Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > INES comemora Dia das Crianças e Dia do Professor
Início do conteúdo da página
Notícias e Avisos

Fórum Bilíngue de maio discute políticas linguísticas para surdos no Ensino Superior

  • Publicado: Segunda, 28 de Maio de 2018, 17h00

No dia 24 de maio, quinta-feira, o Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES) realizou mais uma edição do seu Fórum Bilíngue, com o tema "Sinais de uma Nova Academia: Políticas linguísticas para a pessoa surda no Ensino Superior". Cerca de 100 pessoas estiveram presentes no auditório do colégio de aplicação (CAp-INES), mesmo com os efeitos da greve dos caminhoneiros, o que acabou antecipando o término do evento.

Entre os palestrantes convidados dessa edição, estavam Flaviane Reis, da Universidade Federal de Uberlância (UFU) e Marcos Luchi, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Além de participarem de um debate público à tarde com pesquisadores do INES e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), eles também discutiram políticas linguísticas e produção de saberes surdos na universidade com a professora Janete Mandelblatt, do curso de pedagogia bilíngue do INES.

Flaviane destacou alguns desafios enfrentados pela comunidade surda dentro do Ensino Superior, como a falta de informação e orientação para alunos e professores surdos e o não reconhecimento da cultura surda dentro do meio acadêmico. "Precisamos ter esse saber político na universidade", enfatizou. Marcos Luchi ressaltou a importância de se discutir e aprofundar a formação de profissionais tradutores-intérpretes de língua de sinais (TILS) para o Ensino Superior.

Janete explicou o que são políticas linguísticas e seu impacto na educação de surdos. "Pensar em língua é pensar em relações de poder e de prestígio", disse. Segundo ela, um dos problemas atuais é o repertório lexical acadêmico em língua brasileira de sinais (libras), ainda insuficiente: "O surdo precisa ser letrado também no meio acadêmico, mas falta terminologia". A pesquisadora ainda acrescentou que o acesso à graduação e a conclusão do Ensino Superior são positivos para a pessoa com surdez, garantindo mais credibilidade ao seu potencial no mercado de trabalho e contribuindo para desfazer estereótipos na sociedade.

Sobre o Fórum

O INES realiza em sua sede o Fórum Bilíngue em encontros mensais durante este ano. São oferecidas atividades voltadas para o debate e a apresentação de experiências em torno de um eixo temático, reunindo especialistas, educadores, técnicos, pessoas surdas e seus familiares para refletirem e discutirem sobre assuntos relacionados à área da educação e da surdez e temas tangentes. O tema central em 2018 é "Políticas Linguísticas em Experiências Surdas". Confira a programação aqui no site e acompanhe os próximos encontros também pela página oficial do INES no Facebook. Para mais informações, entre em contato com a Divisão de Estudos e Pesquisas (Diesp), pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Fim do conteúdo da página