Como a Sociologia aborda os conceitos “Cultura”, “Etnocentrismo” e “Relativismo Cultural” no CAp/INES?

Danielle Rodrigues, Denis Barros

Resumo


A pesquisa aqui apresentada é fruto de uma comunicação realizada no Encontro Nacional sobre o Ensino de Sociologia na Educação Básica (ENESEB), realizado na UnB – Brasília, em julho de 2017. Este trabalho também foi convidado para compor um capítulo de livro que debate as modalidades diferenciadas de ensino de Sociologia. Por essa circunstância, achamos que o debate sobre como lecionar essa disciplina para surdos não deve estar restrito as seus professores, mas sim compartilhado e discutido também entre nossos pares no próprio CapINES. A Lei nº 11.684 tornou a Sociologia uma disciplina obrigatória em todo o território nacional e em todas as séries do Ensino Médio no ano de 2008, mas no CapINES essa realidade só foi cumprida em 2017. Assim, o currículo de Sociologia no Ensino Médio pôde se expandir e permitir o acesso dos alunos surdos ao conteúdo que as escolas de ouvintes espalhadas pelo país já cumpriam. Antes de 2017, apenas as turmas de 2º ano (dois tempos) e 3º ano (um tempo) tinham acesso aos conteúdos. Conseguimos manter a duração semanal de aulas para o 2º ano em dois tempos, expandir no 3º ano para dois tempos e iniciamos no 1º ano com um tempo semanal. A organização desse currículo escolheu a estratégia de trabalhar com temas, e por meio deles, introduzir o conhecimento de alguns teóricos emblemáticos nos assuntos. Nesse contexto, a Sociologia se coloca como uma disciplina carente de metodologia específica de ensino, tornando o trabalho docente uma constante prática de tentativa e erro. Por isso, pretendemos com este trabalho discutir as metodologias que empregamos para uma temática específica, apresentando como lecionamos os conceitos “Cultura”, “Etnocentrismo” e “Relativismo Cultural”. Apresentaremos uma comparação de estratégias utilizadas pelos docentes, usando para verificação dos resultados as avaliações bimestrais realizadas pelos alunos, sejam com respostas escritas ou em Libras gravadas durante as aulas. O objetivo desta pesquisa é expor as primeiras conclusões de um projeto piloto que busca investigar quais metodologias e estratégias de ensino de Sociologia surtem melhores resultados para alunos surdos, enfatizando seus progressos e fracassos.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.20395/fb.v0i38.539

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Impresso: 1518-2509
ISSN Eletrônico: 2525-6211 

 Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Forum está avaliada como B4 no Qualis- Interdisciplinar/CAPES

 

INDEXADA EM:


Resultado de imagem para sumario.org logo  Resultado de imagem para google acadêmico Resultado de imagem para portal periódicos capes  Resultado de imagem para doaj  Imagem relacionadaResultado de imagem para livre cnen